GUIA DO ENSINO


Vai ai contenuti

Menu principale:


CONJUNÇÃO VERBAL

MATÉRIAS

" QUERER" E "POR"

Grafia dos verbos "querer" e "por"
Eu pus a carta no correio. A ferida não cicatrizou e ainda tem pus.
Como escrevemos o "pus" do verbo pôr e o "pus" relativo a ferida?
O "Nossa Língua Portuguesa" fez essas perguntas às pessoas na rua. A maioria acertou. O "pus" da ferida é com "s; o"pus" do verbo, também. Não existe "pus" com "z", seja verbo seja substantivo. Para esses casos deve-se esquecer a letra "s".
Pus, puser, puseram, pusesse
Todas essas palavras são com "s".
Quis, quiser, quisesse, quiseram, quisemosdepuseram, propuseram, impuseram, repuseram, sobrepuseram, decompuseram
Todas as formas dos verbos "querer", "pôr" e derivados devem ser grafados também com "s".





"TER" E DERIVADOS

O verbo "ter" e derivados
É difícil alguém errar a conjugação do verbo "ter", tanto no presente, no passado ou no futuro. Mas, quando se trata de conjugar os verbos derivados de "ter", os verbos compostos, já não há tanta facilidade. Na rua as pessoas comprovam isso. Foi proposta a seguinte questão:Quais as formas corretas?
"Se a máquina reter o cartão" ou..." Se a máquina retiver o cartão"?
A maioria errou. A resposta correta seria
"Se a máquina retiver o cartão".
O verbo "reter" é um dos tantos filhos da família do verbo "ter": "deter", "reter", "entreter", "obter", "conter", "abster" etc. Logo:
eu tenhoeu retenhoeu mantenhoeu detenhoeu obtenhoeu contenho
No futuro do subjuntivo é a mesma coisa: "Quando eu tiver", "Se o goleiro tiver sorte". E não "Quando eu
"ter" ", "Se o goleiro "ter" sorte." Assim,
Se a máquina retiver o cartãoSe você mantiver a calmaSe a mãe entretiver a criançaSe os deputados se abstiverem de votar
Para a conjugação dos verbos derivados do verbo "ter" o raciocínio é simples. Apóie-se no verbo "ter", na primeira pessoa do singular do presente do indicativo: Eu tenho.
Eu detenho, eu mantenho etc...
Depois é só seguir essa linha de conjugação.





"VIR" E DERIVADOS

O verbo "vir" e derivados
Você diria
"A polícia interviu" ou"A polícia interveio"?
O forma correta é "A polícia interveio". O verbo "intervir" deriva do verbo "vir". No presente do indicativo a conjugação do verbo "vir" é:
Eu venhoTu vensEle vem...
Como o verbo "intervir" é derivado, sua conjugação é feita a partir do verbo "vir".
Eu intervenhoTu intervénsEle intervém...
O gramático e professor Napoleão Mendes de Almeida reforça a tese afirmando: "A conjugação dos verbos compostos deve seguir a conjugação dos verbos simples". Esse é o caso do verbo "deter", que procede de "ter". A pessoa não deve dizer "Ele "deteu", mas "ele deteve"
Assim, deve-se dizer:
"Se a polícia intervier" (como "vier"), e não "se a polícia intervir". "Eu só comprarei se o preço convier", e não "se o preço "convir"."Eu comprei porque o preço conveio", e não "porque o preço "conviu".
Para conjugar verbos como "intervir", "convir", "provir", etc., devemos nos basear sempre no verbo "vir". Ele é a base de toda a família.



CopyRight ®2009 - BY TUDOOK.COM | contato@tudook.com

Torna ai contenuti | Torna al menu